No seu olhar - Nicholas Sparks

terça-feira, 28 de junho de 2016

Filha de imigrantes mexicanos, Maria Sanchez é uma advogada inteligente, bonita e bem-sucedida que aprendeu cedo o valor do trabalho duro e de uma rotina regrada. Porém um trauma a faz questionar tudo em que acreditava e voltar para sua cidade natal, a pequena Wilmington. A cidade também é o lugar que Colin Hancock escolheu para se dar uma segunda chance. Apesar de jovem, ele sofreu mais violência e abandono do que a maioria das pessoas. Também cometeu sua parcela de erro e magoou mais gente do que gostaria. Agora está determinado a mudar de vida, tornar-se professor e dar às crianças o carinho e a atenção que ele próprio não teve. Colin e Maria não foram feitos um para o outro, mas um encontro casual durante uma tempestade mudará o rumo de suas histórias. Ao confrontar as diferenças entre os dois, eles questionarão as próprias convicções. E ao enxergar além das aparências, redescobrirão a capacidade de amar. Porém, nessa frágil busca por um recomeço, o relacionamento deles é ameaçado por uma série de incidentes suspeitos que reaviva antigos sofrimentos. E quando um perigo real começa a se impor, Colin e Maria precisam lutar para que o amor sobreviva. Com uma trama madura e repleta de emoções e de suspense, No Seu Olhar mostra que o amor às vezes é forjado em crises que ameaçam nos destruir e que o primeiro passo para a felicidade é acreditar em quem podemos ser.
A pior rejeição que um jovem pode sofrer é ser rejeitado pela própria família. Colin passou por essa dor e conhece bem. Nascido em uma família bem sucedida, ela só não foi capaz de lidar com uma alma tão carente de atenção, pois desde que nasceu Colin se sentia pouco bem vindo ao seio da sua família. Com isso, seus instintos eram de chamar a atenção, mas fazendo coisas erradas. Com muito sofrimento, ele chegou ao ponto onde a vida cobra um preço e exige que se tome uma decisão: qual o caminho seguir. E ele chegou à pequena Wilmington com a intenção de recomeçar sua história. Mais maduro, ele não se preocupa mais em se fazer aceito, para ele, ele sozinho se bastava. Mas ele tinha um grande amigo, Evan e sua noiva Lily. Os dois era toda a sua família e pelos dois ele daria a vida. Em uma noite chuvosa, o destino o coloca no caminho da doce Maria, uma mulher amedrontada, que voltou para a sua cidade depois de anos fora, agora fugindo de um trauma. Advogada em ascensão, ela é uma pessoa reservada que busca levar sua vida com calma e correção. Se interessar por uma figura como Colin, era uma coisa inimaginável em sua vida. Mas a franqueza daquele belo rapaz foi uma das coisas que mais a conquistou, e aos poucos os dois vão se entregando a um relacionamento franco e sereno. O que os dois não esperavam, era ter que lidar com um perseguidor fanático que ameaçava Maria. Para Colin que precisava acima de tudo, manter o autocontrole, era uma prova de fogo se controlar quando a mulher de sua vida se encontrava em perigo, e se descontrolar iria te custar um preço muito, mas muito alto mesmo: poderia custar o coração da única mulher que o amou verdadeiramente.
-Antes de você aparecer, eu tinha Evan e Lily, e achava que isso era o bastante. Mas não é. Não mais. Desde a semana passada. Estar com você faz com que eu me sinta vulnerável de novo, e não me sinto vulnerável desde que era um moleque. Não posso dizer que sempre gosto disso, mas a alternativa seria pior, porque significaria ao vê-la outra vez. (Pág.180)


Ler um livro do Nicholas sem um gelo na barriga, não é o ler de verdade. E desde o início do livro este gelo esteve presente em mim. A química entre Colin e Maria é cativante desde o primeiro minuto: ela aterrorizada debaixo de um temporal, com medo dele, e ele, todo resiliente, fingindo não perceber o terror que ela estava sentindo, com medo dele. E depois, quando sua irmã arma o encontro entre os dois, o encanto... Mas Colin... Como não sentir o coração palpitar... E uma imensa vontade de colocá-lo no colo e apagar suas mágoas. A amizade de Evan e Lily... Eu queria amigos assim. Fiquei com um medinho danado do desenrolar da trama. Com tanto envolvimento, tanta paixão foi só mesmo ir ao fim desta bela história de amor. Como não se apaixonar por eles?? Impossível. 

Sparks, Nicholas. No seu olhar. São Paulo: Arqueiro, 2016.

1 Comentário:

thaila oliveira 28 de junho de 2016 13:40  

o que tenho gostado nesses romances do sparks atualmente é a forma como ele constrói seus personagens, dando mais empoderamento as femininas e desmistificando um pouco seus principes encantados, tornando-os mais comuns, com ações comuns, pensamentos e principalmente com falhas, isso torna a trama mais humana
http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

Postar um comentário

Enquanto isso no skoob

Posts Recentes

  © TESOURO LITERÁRIO - Todos os Direitos Reservados