A esperança - Suzanne Collins

terça-feira, 15 de dezembro de 2015

Depois de sobreviver duas vezes à crueldade de uma arena projetada para destruí-la, Katniss acreditava que não precisaria mais de lutar. Mas as regras do jogo mudaram: com a chegada dos rebeldes do lendário Distrito 13, enfim é possível organizar uma resistência. Começou a revolução. A coragem de Katniss nos jogos fez nascer a esperança em um país disposto a fazer de tudo para se livrar da opressão. E agora, contra a própria vontade, ela precisa assumir seu lugar como símbolo da causa rebelde. Ela precisa virar o Tordo. O sucesso da revolução dependerá de Katniss aceitar ou não essa responsabilidade. Será que vale a pena colocar sua família em risco novamente? Será que as vidas de Peeta e Gale serão os tributos exigidos nessa nova guerra? Acompanhe Katniss até o fim do "thriller", numa jornada ao lado mais obscuro da alma humana, em uma luta contra a opressão e a favor da esperança.
Katniss sobreviveu a mais uma edição dos jogos vorazes, e desta vez não foi uma simples edição de comemoração. Ela está muito consciente de que esta edição foi toda programada para que ela não sobrevivesse. Mas ela está aqui, muito viva, mas muito confusa com tudo. Ela foi resgatada através de um plano dos rebeldes que acreditam que ela é a salvação contra o poder da Capital. Mas Peeta não está com ela. Ele ficou como refém e está sendo torturado para enfraquecê-la. Ela mesma não coloca tanta confiança em si mesmo, mas a guerra já começou e ela sabe que para a capital ela é o maior perigo, e isto irá força-la a se decidir por lutar. Não é mais possível conviver com o domínio da Capital, principalmente porque eles estão fazendo de tudo para atingi-la através de Peeta e isto está levando-a ao desespero. Por isso que o grupo rebelde aposta toda as as suas forças contra a ditadura da Capital, em uma organização surpreendente, criando uma nova comunidade, organizada e democrática. O que Katniss poderia esperar era que, após ser resgatado do poder da Capital, Peeta iria tentar mata-la, se tornando sua maior ameaça.
Em pé na minha cozinha, não estou a fim de fazer coisa alguma. Na realidade, me flagro olhando fixamente para o céu – o único teto que resta – porque inúmeras lembranças estão me afogando. (Pág.134)
Acabou!!!! Consegui chegar ao fim desta saga sensacional, que realmente hipnotiza e nos engole. Katniss é realmente uma heroína pouco convencional, mas que nos arrebata com seus medos e sua humanidade. Peeta, tão calmo, tão pacífico... Gale, destemido Gale. O que fazer agora sem estes heróis?

Collins, Suzanne. A esperança. Rio de Janeiro: Rocco jovens leitores, 2011.


Comentários:

Postar um comentário

Enquanto isso no skoob

Posts Recentes

  © TESOURO LITERÁRIO - Todos os Direitos Reservados