Escola de magia: o roubo do livro mágico - Nelson Lameiras

sexta-feira, 31 de janeiro de 2014

Neste primeiro livro da série, Matt e Karen, dois corajosos adolescentes, ingressam, após uma grande confusão, na Escola de Magia – um fantástico colégio, escondido em Manhattan. Rapidamente, surge a amizade com Douglas, Andry, Lion e Glacy, e juntos viverão uma grande aventura. Ao desconfiarem que um dos professores está tentando roubar novamente o Livro Mágico, eles passam a investigar e acabam caindo em uma perigosa armadilha. Agora, com a ajuda de Cronus, o diretor do colégio, irão se deparar com o início de um grande confronto...
Matt e Karen são amigos desde bem pequenos, e esta amizade iniciada nos parquinhos acabou unido também as duas famílias. Constantemente eles se reunião para jantar e afinidade dos dois sempre ficou evidente para todos. Em um destes encontros eles saem do restaurante para passear e acabam presenciando uma ação surpreendente e inacreditável. Por consequência eles acabam sendo convidados pelo professor Cronus a integrarem o corpo estudantil da misteriosa escola, que de fachada é uma escola como outra qualquer, mas por trás esconde uma famosa e muito bem conceituada escola de magia. No início os alunos passam por um teste imposto pelo Livro Mágico, onde este determina a qual dos grupos elementares eles pertencem: água, terra, fogo e ar. E também sua palavra de ressonância. Cada aluno possui uma palavra que determina o seu poder, assim como se fosse uma impressão digital ou DNA, único e exclusivo. Com esta palavra é que eles irão realizar seus feitos mágicos. Mas nem tudo é divertido dentro desta escola. Eles estão passando por uma grave crise depois que um dos professores da escola se rebelou e tentou roubar o livro mágico. E foi justamente durante esta tentativa que as crianças assistiram os poderes malfeitores do professor Cazur. E dentro da escola ainda têm os alunos que simpatizam com a causa de Cazul, é o caso de Murdok, um garoto esnobe e arrogante, que passa a colaborar com os planos pérfidos de Cazur e ao mesmo tempo provoca e debocha de Matt, Karen e seus novos amigos. Envolvidos em defender a escola e tentar impedir o roubo do livro mágico, Matt, Karen, Douglas, Andry, Lion e Glacy se unem contra estas ameaças, se tornando alvo de todo o ódio de Murdok e Cazur, arriscando suas vidas.
Os dois aventureiros jamais passaram por situação parecida. Matt e Karen, ao mesmo tempo, apavorados e excitados. Eles sabiam da importância do que faziam e conheciam os riscos que estavam correndo. (Pág.247)
O livro é uma leitura claramente juvenil. Impossível negar a forte semelhança com a saga Harry Potter, com os torneios de magia, futebol maluco e intrigas juvenis. Bem escrito, mas achei excessivas as descrições detalhadas de comida, roupas e até mesmo dos comportamentos infantis. Constantemente acontecia, por exemplo, descrever a comida criada para agradar o paladar infantil como nuggets, batatas fritas, sobremesas, etc e tal. Tem toda a história do livro mágico, das disputas entre as classes elementais bem interessantes ao publico juvenil.  
Lameiras, Nelson. Escola de Magia: o roubo do livro mágico. Barueri, SP: Novo Século Editora, 
2013.

1 Comentário:

Andréia Harter 2 de fevereiro de 2014 21:12  

Adorei...add a minha wish list!!!

Postar um comentário

Enquanto isso no skoob

Posts Recentes

  © TESOURO LITERÁRIO - Todos os Direitos Reservados