O amor mora ao lado - Debbie Macomber

quarta-feira, 4 de dezembro de 2013

Lacey Lancaster sempre quis ser esposa e mãe. No entanto, depois de um divórcio bastante doloroso, ela decide que é hora de dar um tempo em seus sonhos e seguir sozinha mesmo. Mas não tão sozinha: sua gatinha abissínia, Cléo, torna-se sua companhia de todas as horas. Até é uma vida boa — um pouco aguada, é verdade — a de Lacey. A não ser por seu escandaloso vizinho, Jack Walker. Quando Jack não está discutindo, sempre em voz muito alta, com sua namorada — com quem insiste em morar junto — está perseguindo seu gato, chamado Cão, pelos corredores do prédio. E Cão está determinado a conseguir que a gatinha Cléo sucumba aos seus avanços felinos. Jack e Cão são realmente muito irritantes. Mas acontece que a primeira impressão nem sempre é a que fica...







Macomber, Debbie
      O amor mora ao lado / Debbie Macomber. Ribeirão Preto, SP: Novo Conceito Editora, 2013.

“A garganta de Lacey estava seca e ela duvidava que conseguisse falar ainda que quisesse. E não falou mesmo. O que poderia ter dito? Que uma vez confiou em alguém que destruiu sua fé em todos os homens?” (Pág.45).

Há um ano Lacey teve uma grande decepção com seu marido, e após um divórcio doloroso ela resolve recomeçar sua vida em outra cidade, e São Francisco foi a cidade escolhida. Além dessas mudanças, ela resolve também arrumar uma companheira que é a Cleo, uma gata da raça abissínia e que ela dedica grande zelo. Em seu novo apartamento, ela procura levar uma vida tranquila, buscando curar suas feridas e dedicada também ao seu emprego de decoradora, ainda que insatisfeita com a falta de reconhecimento de seu patrão. Neste mar de insegurança, tudo o que ela não quer é uma relacionamento, e já faz algum tempo ela vem percebendo os olhares de seu atraente vizinho e de quem ela quer distância, chegando até mesmo a evitar encontrar. Não só pela sua decisão de evitar novos relacionamentos, mas porque Jack tem uma namorada e que vivem em guerra.
Em uma noite, frustrada com rumo que sua carreira está tomando, ela não suporta mais ouvir a briga dos vizinhos e resolve ir até lá solicitar um pouco mais de silêncio. Enquanto estava lá conversando, ela se distrai e o gato do vizinho invade seu apartamento e cruza com sua gata de raça pura. Aquilo a deixa indignada, e em poucos dias ela descobre que a gata está prenhe. E claro que ela não vai aceitar este desaforo do gato do vizinho. Não o vizinho gato e sim o gato do vizinho. Mas ela decide ir até o vizinho exigir que ele assumisse parte das despesas como dono do pai dos filhotes de sua gata. Jack que só estava esperando uma oportunidade aproveita então para tentar se aproximar de sua bela vizinha.
Eu tinha lido um livro super cansativo e queria pegar um livro pequeno e de leitura rápida e leve para amenizar. Mas não esperava do livro ser tão rápido assim. É uma leitura leve, sem arroubos de emoções. O enredo em si é regular, tudo muito clichê. E quando eu esperava ainda que tivesse umas dez páginas, para minha surpresa o livro acaba e começa uma sessão de receitas para gatos. A história gira bem em torno do casal e dos seus bichanos, já que estes foram a mola propulsora do encontro. Vale ser lido, principalmente para dar uma suavizada nas leituras pesadas.

4 Comentários:

João Victor 4 de dezembro de 2013 19:49  

Eu li "O Amor mora ao Lado" assim que chegou e achei bonitinho. Sua função é realmente divertir e anuviar a mente. Perfeito para intercalá-lo com leituras mais densas e intrincadas. Na verdade, é um romance quase bobinho, bem previsível. É bem clichê e tudo acontece muito rápido. Mas, foi um bom entretenimento.
Espero gostar um pouco mais de "Anjos à Mesa", outro livro da autora. Esse é um tanto maior, e espero que traga uma trama mais interessante e melhor trabalhada.

Att
João Victor - Amigo do Livro
http://amigodolivro.blogspot.com.br/

Fernanda Souza 4 de dezembro de 2013 21:32  

Oi Marcinha, eu peguei esse livro do nada pra ler e me diverti bastante mesmo sendo rápido. Acho que valeu a pena e que a autora soube chegar aonde queria em poucas páginas.
Só gostei porque não teve muita coisa sobre os animais em si.

Beijo
Fernanda - Leitora Incomum

Gladys Sena 5 de dezembro de 2013 22:30  

Oie!

Sei que não é o melhor da Debbie, mas gostei, =D

Bj!

http://meuhobbyliterario.blogspot.com.br/

Tori Vega 8 de dezembro de 2013 13:11  

Oi, tudo bem?
Nunca li nenhum livro dessa autora. Na verdade nem conhecia.
A maioria das leituras leves são rápidas. Mas um livro nada é se não tiver
Emoção e ação. Adorei sua resenha.
Te espero lá no meu blog...

Mariana - WTF. [{ Sobre livros,filmes e séries.}]


Postar um comentário

Enquanto isso no skoob

Posts Recentes

  © TESOURO LITERÁRIO - Todos os Direitos Reservados