Promoção: O livro do amanhã

domingo, 4 de agosto de 2013

Nova promoção!!!

Basta seguir as regras de sempre:Seguir o blog publicamente no GFC
  • Ter endereço de entrega no Brasil
  • Chances extras no Raflecopter
  • Comentar no post validando a participação
  • Resenha: Aqui

a Rafflecopter giveaway

35 Comentários:

cristiane 4 de agosto de 2013 20:14  

Na verdade acho que eu preferiria não saber, eu não ia saber o que fazer com essa informação...

Jéssica Ribeiro 4 de agosto de 2013 20:16  

Eu acho que não faria nada, tipo, eu quero poder errar e não somente aceitar. Então se eu soubesse que faria besteira, eu preferiria não fazer nada. Exatamente, eu preferiria fazer besteira e adquirir algum aprendizado com ela.

Maiara Michelsen 5 de agosto de 2013 07:27  

Eu não gostaria de saber, adoro surpresas...

Carol Reihn 5 de agosto de 2013 10:02  

Me prepararia da melhor maneira possível, fosse para que o previsto acontecesse ou para prevenir alguma coisa ruim

Mayane Boniolo 5 de agosto de 2013 16:17  

Algumas coisas daria para ser mudada de forma a melhorar seu dia ou até mesmo sua vida, porém acho que preferiria não saber.

Juliana Barbosa 5 de agosto de 2013 19:01  

Ia tentar não interferir porque acredito que as coisas acontecem do jeito que tem que ser, se a gente interferir em algo ruim , pode piorar as coisas

Dryh Meira 5 de agosto de 2013 19:16  

Tentaria mudar alguma coisa

Fernanda Moraes 5 de agosto de 2013 21:40  

Acho que me prepararia pra aproveitar ao máximo dia e fazer dele mais produtivo do que seria. Mas na questão de mudar as coisas, acho que não. Afinal tudo o que acontece tem um motivo.

Japinha Gigi 5 de agosto de 2013 21:42  

Mudaria muitas coisas e aproveitaria mais o meu dia.

Kazasama 6 de agosto de 2013 15:59  

Eu aproveitaria mais os meus dias e mudaria muita coisa, mas seria angustiante se eu soubesse que eu ou alguém que gosto fosse morrer no dia seguinte.

Bia 6 de agosto de 2013 17:09  

Acredito que iria preferir não saber.

Juliana Barbuglio 6 de agosto de 2013 19:54  

O que você faria se pudesse descobrir o amanhã antes de ele chegar? Dependendo da situação em que estaria talvez tentaria mudar alguns atos se fosse algo ruim e se fosse algo bom tentaria aproveitar o maximo que eu pudesse

Danila Gonçalves 7 de agosto de 2013 18:24  

como já li livros, series e filmes demais que dizem que qualquer coisa que fazemos pode alterar o futuro, provavelmente não faria nada rsrs. Mas vai saber né?

vivihsansone 8 de agosto de 2013 13:57  

Eu realmente não ia querer saber, poderia ser muito frustante descobrir algo que a gente não quer...então deixa as coisas acontecerem naturalmente.
seguidor: Viviane S.

Ariana Oliveira Gomes 8 de agosto de 2013 23:07  

Como sou muito curiosa iria querer saber sim. Mesmo que depois me arrependesse. kkkk...

Minha Velha Estante Adriana Roque 9 de agosto de 2013 22:30  

Evitaria os possíveis erros no percurso.

adriana medeiros

Petra Henning 10 de agosto de 2013 15:18  

Acho que eu não gostaria de saber não... o amanhã, deixa pra amanhã.

:) Na Próxima Página...

beth 12 de agosto de 2013 08:24  

Pensaria muito bem, antes de fazer algo.

Nardonio 12 de agosto de 2013 10:10  

Iria aproveitar o máximo desse Dom. Se acontecesse coisas boas, aproveitaria cada minuto. Se fossem coisas ruins, tentaria mudá-lo.

@_Dom_Dom

Adriana 12 de agosto de 2013 17:18  

Bom, seu eu descobrisse que o que ia acontecer fosse bom, eu ia deixar acontecer e ficar ansiosa pra que chegasse logo o amanha, mas se caso fosse algo ruim, eu ia tentar interferir pra que não acontecesse o fato!

Maíra Souza 13 de agosto de 2013 21:51  

Bom, acho que me preveniria da melhor forma possível caso não pudesse mudar o que de ruim pudesse acontecer.

Isabela Galvão 14 de agosto de 2013 17:01  

Eu sinceramente acho que gostaria, mesmo que não fizesse nada, pelo menos já estaria prevenida para o melhor, ou até mesmo para o pior...

Laura Zardo 15 de agosto de 2013 22:01  
Este comentário foi removido pelo autor.
Laura Zardo 15 de agosto de 2013 22:02  

Eu nunca pensei nisso, porque sinceramente, eu vivo um dia de cada vez, não que eu não me importe com o futuro, claro que me importo, mas acho que cada dia tem seu lado bom e ruim e cabe apenas a nós saber guiar estes acontecimentos.

Laura Zardo
laura_zardo@yahoo.com.br

Karen Senoo 16 de agosto de 2013 10:06  

Tiraria o máximo proveito do que sei avisando ou prevenindo qualquer incidente indesejável :]

Bjs
@tibiux

Paula C. 16 de agosto de 2013 11:15  

É meio assustador, pq se pudesse prever e mudar, ai tudo bem, mas nem sempre se pode mudar o amanhã, então se eu soubesse que iria acontecer algo de ruim, talvez eu não queria que o amanhã chegasse. Mas e se fosse algo bom, seria perfeito, assim saberia como agir ou não agir para que os outros amanhãs dessem sempre certo..

Tania Farias 16 de agosto de 2013 15:13  

Seria muito estranho se eu podesse descobrir o amanha, mais acho que faria de tudo para que ele seja bom, mesmo que eu descubra que não vai ser

Jessica Lisboa 19 de agosto de 2013 20:32  

Não interferia, pois tudo o que acontece na nossa vida tem um porque.

Niii 21 de agosto de 2013 12:56  

Enlouqueceria, pois sou ansiosa, e descobrir o amanhã antes dele chegar iria me fazer ansiar pelo depois de amanhã.

maria ester moraes 21 de agosto de 2013 19:05  

tentaria ser uma pessoa bem melhor do que sou hoje!

Débora Pirovic 22 de agosto de 2013 15:05  

Acredito que seria mais amável com os meus filhos pois eles são o meu tudo .

Participando . . .

Seguidora GFC : Debby

E-mail : deborapirovic@gmail.com

Patricia Faria 24 de agosto de 2013 00:07  

Eu não iria interferir, até em (possíveis) momentos ruins nós podemos tirar algo positivo ;)

Ana Caroline Lima 24 de agosto de 2013 17:11  

Dependendo se fosse bom ou ruim, eu tentaria mudar.

Lilian Gabriella 24 de agosto de 2013 19:50  

Faria tudo de forma diferente, se o dia depois de amanhã fosse ruim.

Debora Miller 24 de agosto de 2013 20:17  

Não sei, tentaria esquecer. Não quero saber spoilers.

Postar um comentário

Enquanto isso no skoob

Posts Recentes

  © TESOURO LITERÁRIO - Todos os Direitos Reservados