Top filme #3 - E se fosse verdade

quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012



E se fosse verdade (Just like heaven)
Elenco: Reese Whitherspoon (Legalmente Loira) e Mark Ruffalo
Gênero: Comédia romântica


Elizabeth (Reese) é uma jovem médica residente e passa todo o tempo dedicado à profissão dentro do hospital. Com pouquíssimo tempo para a vida pessoal ela acaba se transformando no projeto da irmã, que é arrumar um namorado para ela. Em uma noite chuvosa que sua irmã faria mais uma investida, Elizabeth sofre um grave acidente de carro.
David (Mark) é um jovem arquiteto que ainda sofre a perda da esposa. Tentando se adaptar, David resolve alugar um apartamento em San Francisco e ele não imaginava que este apartamento já tinha uma moradora especial que se recusava a deixar o local. Elizabeth não gostou nadinha de ter um invasor em seu apartamento, manchando seus móveis, o que ela não sabe é que somente seu espírito está ali, pois ninguém imagina o que realmente aconteceu com ela. Na tentativa de se livrar daquela companhia, David resolve investigar o que aconteceu com a antiga moradora, e a partir daí os dois se envolvem nas mais hilárias confusões.
Considerações: Este filme é Top fofo, adoro. Adoro assisti-lo, ele é engraçado, divertido, romântico.

Read more...

Perdida: um amor que ultrapassa as barreiras do tempo - Carina Rissi

terça-feira, 28 de fevereiro de 2012



Rissi, Carina – Perdida: Um amor que ultrapassa as barreiras do tempo/ Carina Rissi – São Paulo: Baraúna, 2011.

“Naquele exato momento, eu soube o que procurava. Eu soube o que realmente queria. E soube o que eu tinha que encontrar ali.” (Pág.. 311)

Sofia é uma jovem mulher de 24 anos, apaixonada pela vida e meio maluquinha. Em uma fase de pouca sorte em sua vida, tudo tem dado errado: o chefe pegando no pé, o computador que estraga e ela pela primeira vez na vida têm que usar uma máquina de datilografia.  Esperando espantar a má sorte, ela resolve sair com sua melhor amiga Nina, para uma pequena comemoração, só que as coisas pioram um pouco: o celular com todos os seus contatos, compromissos e músicas favoritas, cai dentro do vaso sanitário.
Em pânico, já no dia seguinte, mesmo com aquela ressaca, ela decide comprar um aparelho novo. Muito bem disposta a comprar o modelo mais completo que tiver, ela sai de casa em um dia claro e ensolarado, trajando uma mini saia, camiseta e tênis All Star vermelhos, e entra na primeira loja que encontra pelo caminho.  A princípio ela estranha, em pleno sábado as ruas e as lojas estão vazios, e somente uma vendedora para atender, mas ela deixa pra lá, só preocupada em escolher um aparelho novo no meio daquela infinidade de modelos dispostos. Diante de muitas opções e preços diferentes, a vendedora lhe sugere um aparelho especial que segundo ela iria “mudar sua vida” por um preço especial, e Sofia adorou a proposta. Mas do que depressa ela concluiu a compra e saiu da loja, sendo alertada, porém que não haveria troca, pois igual aquele, não existia outro no mundo.
Já na primeira esquina, ao tentar ligar o aparelho, algo dá errado Sofia começa a maldizer a vendedora e o aparelho, quando de repente um clarão surge, fazendo-a cair e desnorteada, e quando ela percebe que ao seu redor tudo está diferente. Confusa, Sofia busca respostas para as inúmeras perguntas que surgem em sua cabeça. Logo surge, literalmente, um cavalheiro montado em um cavalo para socorrê-la, Ian, mas as perguntam se multiplicam a cada minuto e a confusão está armada.   Logo ela descobre que está em 1.830 e que seu salvador, Ian, é um sério rapaz de família, que é órfão e cria a irmã de 15 anos. Considerado o bom partido da cidade, super disputado, seu cavalheirismo com a “Senhorita Sofia” desperta ciúmes em uns e curiosidade em outros. Sofia com seu vocabulário peculiar, também se assusta com os costumes de época tão longínqua, e para completar, ela recebe uma ligação da falsa vendedora avisando: ela só volta quando encontrar o que está buscando, mas Sofia não sabe o quê?

Considerações: O livro é sensacional! Sofia é uma pessoa super prática e dinâmica, mas ela vai parar em 1.830 de mini saia, camiseta e tênis vermelho, e é uma confusão atrás da outra, mas graças ao seu jeito prático e despojado, ao mesmo tempo em que consegue sair de uma “saia justa” ela se mete em outra. O episódio da “casinha” é sensacional, tive que esconder o rosto no metrô, de tanto que ria. Mega fofo! Aprovado e recomendo para todos que gostam de uma leitura cômica e leve. 

Read more...

Lançamento: Modo Editora - Regência de ossos

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012



 REGÊNCIA DE OSSOS

Autor: Marcelo Paschoalin
Gênero: Romance Sobrenatural
Capa: Marcelo Paschoalin
Ilustração de  Teddy Soegiarto


SINOPSE - O autor de A última Dama do Fogo nos traz mais uma fantástica aventura! Houve um tempo em que a Necrópole de Amtal se restringia a atacar os que ousavam se afastar demais... Houve um tempo em que o povo de Dunir podia confiar na proteção da Guarda Real e na justiça de sua rainha... Esse tempo passou. No céu, apenas nuvens negras. Poderá uma jovem erguer sua voz e clamar em nome de seu povo ou o sangue dos vivos servirá apenas para saciar a sede daqueles que retornaram do reino dos mortos? Para mudar, é preciso aceitar. Para verdadeiramente ser, é preciso acreditar.


SOBRE A OBRA:

“Regência de Ossos” se passa no mesmo universo fantástico dos livros “A última Dama do Fogo” e “Eriana: Filha da Morte e Vida”, e conta a história de um reino ameaçado pela presença de uma cidade de mortos-vivos, cujas legiões devastam o campo, e dos esforços de uma jovem que luta para que o povo seja ouvido. É uma história de mudança – que só vem com a aceitação – e de transformação – que só ocorre quando se acredita. Quando os mortos-vivos se erguem, podemos ser fortes o bastante para enfrentá-los ou sucumbiremos em nossa busca pelo que desejamos?


SOBRE O AUTOR:

Tudo começou com muita leitura, principalmente por incentivo de meus pais. Foi ainda criança que tive contato com Jules Verne e Sir Arthur Conan Doyle, até mesmo antes de conhecer Pedro Bandeira – que abriu meu caminho para a literatura nacional, dos clássicos aos contemporâneos.
Um momento que guardo com muito carinho foi quando um leitor, comparecendo a um de meus lançamentos, disse-me que era fã dos meus escritos e me disse que leria todos os livros que eu lançasse. É algo que eu nunca vou esquecer.
A inspiração está em todo lugar. É uma cena de um filme, um olhar de relance pela paisagem, é uma notícia que lemos... Tudo é fonte de ideias, e elas formam a base de qualquer escrito.
Meu único ritual antes de começar a escrever um livro é fazer uma diagramação prévia das páginas para que eu tenha a impressão real de estar dando vida ao livro e depois exportar o arquivo para meu smartphone. Sempre escrevi em smartphones, pois adoro a liberdade que proporcionam – é algo que só se percebe quando se está sob a sombra de uma árvore vendo os pássaros voando e tendo a oportunidade de capturar o momento em sua escrita.

UM RECADO DO AUTOR PARA SEU PÚBLICO LEITOR:

Em primeiro lugar, muito obrigado por me permitir falar um pouco sobre mim e sobre meus livros. Um espaço como este é maravilhoso para que o autor possa iniciar um diálogo com seus leitores e, aqueles que quiserem conhecer meu trabalho, poderão acessar http://www.letraimpressa.com.br além de conversar comigo pelo twitter @letraimpressa. Fico muito feliz em poder discutir com os leitores dos meus livros, pois sempre há uma troca de ideias fantástica – afinal, a história deixou de ser minha quando o texto foi lido por outro.

Read more...

Lançamentos Grupo Pensamento

Read more...

Entrevista: Ana Carla Santos

Mais uma super entrevista da Modo Editora. 






Livro – Depois do Primeiro Beijo
Autora – Ana Carla Santos
SINOPSE Por ser imatura, Juliana não consegue se relacionar com os garotos. Virou piada entre as amigas que passam os dias arquitetando planos para lhe arrumar um pretendente. Conhece o senhor Hélio, um velhinho bonachão, que no intuito de tranquilizá-la, conta algumas histórias que falam de amor, encontros e almas gêmeas. As belas histórias despertam em Juliana o desejo de mudar. Apesar do medo e da insegurança ela toma a decisão de dar o seu primeiro beijo. Com a ajuda de Bia e Duda, suas melhores amigas, ela parte em uma divertidíssima caçada ao garoto ideal com direito a uma lista de possíveis pretendentes, belos lugares, eventos e atrapalhados encontros. Uma trama que envolve as delícias e desventuras de um amor puro, forte e eterno.
Mensagens transmitidas pela obra:
  • Os medos e inseguranças das primeiras experiências na vida de uma garota, mostrando as diferenças os vários tipos de personalidades e como cada uma delas lida com o mesmo tema.
  • O amor na sua forma mais sublime, pura, inocente, delicada; uma coisa mais clássica em plenos tempos modernos onde o amor muitas vezes é banalizado e, até mesmo, desvalorizado, proporcionando ao leitor o resgate dessas emoções.
Local da trama:
Passa-se no estado do Rio de Janeiro numa cidade fictícia (Porto dos Corais) com vários cenários: casa da protagonista, escola, clube, festinha, parque etc.

Tema Principal:

- O primeiro beijo e o amor entre almas gêmeas.

Release: um trecho do capítulo 5. O passeio.

“Era mais difícil de encará-lo sem o véu da escuridão da noite. Mas a luz do dia revelava com mais clareza nossos sentimentos e meus olhos entregavam o fascínio que eu sentia a olhar seu rosto e cores... Seu cabelo preto contrastando com o branco de sua pele. O intenso verde dos seus olhos e bochechas levemente rosadas. Seus dentes claros e lábios corados que, em meus sonhos, eu já havia beijado mais de mil vezes. Tentava decifrar qual sabor que eles teriam, talvez seja por isso que eu não consigo parar de olhar pra eles...”
“– Tem um lugar muito especial que eu quero que você veja, mas você tem que me prometer que vai manter segredo e não vai falar nem para suas amigas.
Suas palavras estavam envolvidas numa atmosfera de mistério despertando em mim uma curiosidade extrema que não consegui conter, tentei fazê-lo falar mais sobre o tal lugar.
Mas ele estava irredutível e não soltou nenhum detalhe. Entusiasmada prometi manter segredo. E seus olhos brilharam enquanto fitavam os meus.”

Considerações sobre a obra: Depois do Primeiro Beijo é um passeio pelo mundo de Juliana. O primeiro beijo, o primeiro amor, a primeira visita ao ginecologista, a entrada da menina no mundo da mulher, o encontro com o verdadeiro amor. Tudo isso em uma belíssima história de amor juntando todos os elementos de um clássico transitando, com suave equilíbrio, entre as ousadias da adolescência, os desejos, medos e dúvidas da Juliana. Nesse passeio é possível se emocionar junto com ela, rir, chorar, sentir medo, raiva e até ficar ansioso. Envolvente da primeira até a última página, quem lê não consegue parar até terminar...
Sobre a autora:
Na adolescência começou a escrever poemas e contos românticos. Enviava para programas românticos de rádio e eles eram sempre escolhidos para serem lidos no ar.
Gosta muito do estilo da escritora Emily Brontë (Morro dos Ventos Uivantes) e tem seguido o seu estilo.
Pensa em suas personalidades com defeitos, manias, fraquezas, e, claro, qualidades.  Para ela é como se fossem pessoas de verdade. Alguns personagens vão crescendo na história independentemente, sem que a autora se dê conta disso, e quando percebe, as personagens não são mais simples coadjuvantes.
Tem muita identificação com o público adolescente, eles são a base de suas estórias. É extremante romântica  e tem uma veia humorística apurada , então comédia romântica é o seu forte.   Seu estilo vai de encontro ao modismo do momento que é a fantasia, contos de fadas e vampiros. Pragmática, gosta de falar do cotidiano, das relações, conflitos e sentimentos. Cria cenas em que as pessoas se identifiquem, pensem algo do tipo: “Nossa! Já passei por isso.”

Um recado para seu público leitor:

“Quero agradecer a todos o carinho a atenção as belas palavras de apoio neste início, e também, à editora Modo pela oportunidade e  por ter acreditado nessa bela parceria. Dei o melhor de mim para fazer o melhor.  O livro é de vocês, meus amados leitores: divirtam-se, emocionem-se, sorriam e se apaixonem. 
   




Read more...

Resultado: Promoção "O preço de uma lição."

domingo, 26 de fevereiro de 2012


Boa tarde domingueiros!!! curtindo aquela preguiça gostosa?

Vamos para mais um resultado, o ganhador tem até 03 dias para entrar em contato e assim que receber o prêmio, por favor nos enviar uma foto bacana. Tem ganhadores em falta com o blog. 

O sorteio foi feito pelo random.org

Parabéns Karen Tiemi!!! 



Read more...

Momento Música #23

A música de hoje foi escolhida pela nossa seguidora e parceira Swan do blog Bem pra Mente.

A música My girl, foi lançada originalmente pelo grupo americano The Temptations em 1964, mas a autoria da mesma é de Smokey Robinson e Ronaldo White, do grupo The Miracles, Robinson teve como inspiração sua esposa Claudette que também fazia parte do grupo. Em 1972 Michael Jackson a regravou em seu 2º disco solo, Ben. Bem mais tarde, a música também fez parte da trilha sonora do filme mega fofo: Meu primeiro amor, estrelado pelo então famoso Macauley Culkin e Anna Chlumsky.
A música de hoje foi escolhida pela nossa seguidora e parceira Swan do blog Bem pra Mente.

A música My girl, foi lançada originalmente pelo grupo americano The Temptations em 1964, mas a autoria da mesma é de Smokey Robinson e Ronaldo White, do grupo The Miracles, Robinson teve como inspiração sua esposa Claudette que também fazia parte do grupo. Em 1972 Michael Jackson a regravou em seu 2º disco solo, Ben. Bem mais tarde, a música também fez parte da trilha sonora do filme mega fofo, e que choro horrores sempre que assisto: Meu primeiro amor, estrelado pelo então famoso Macauley Culkin e Anna Chlumsky. 


Read more...

Tesouro #23

sábado, 25 de fevereiro de 2012

Bom dia!!!!!!!!!
Dizem que a palavra saudade não existe tradução em outras línguas, mas é certo que o sentimento é universal. Dói pra caramba!!! E a dor da alma e do coração são as piores dores do mundo! Tem saudades que são eternas, como a que sinto por minha mãe, por exemplo! Saudades incompreensíveis daqueles que você julga ser amigo e este vai embora sem se despedir, não responde nossos e-mails, nossas mensagens, nos ignora e não nos diz o motivo, que nos magoa e nos fere, e saudades passageiras, porque logo estamos juntos novamente, como eu e vocês. Fiquei com muitas saudades. Eu aproveitei o carnaval e o desespero juntos e pedi ao meu chefe uma folga prêmio porque a coisa tava preta, então fui pra praia, porque eu adoro o mar, apesar de não agüentar o sol, e curti. Que estava no twitter e no facebook me viu reclamando um pouco, mas foi só pra desabafar, mas não retiro nada do que disse: o povo precisa ter educação, e é pra todas as classes. Não suporto ver gente jogando lixo no chão, em lugar nenhum, mas na praia é pior, os imundos sentados no chão e jogando o lixo ali mesmo, só querem ser chamados de sujos, só pode ser. O espaço é coletivo, então não é pra se fazer o que bem quer, vamos ligar o bom senso, o semancol, o desconfiômetro. Mas consegui descansar, do meu jeito e me diverti. É claro que a praia estava absurdamente lotada, mas como não sou bobinha, levei logo dois livros, porque assim fico toda alegre. Pena que o coitado do “Perdida” também tomou um banho de mar, não virou aquela bagaça não, mas ganhou umas ruguinhas, mesmo assim conclui a leitura e adorei. Li também “Um mundo brilhante”. 
Chegaram:
Editora Alcantis e Silociano: ganhei na promoção via twitter “Folia de Livros” no dia 12/02 o livro Horizontes – Revelações. (22/02) (skoob)


Da Editora Novo conceito/ Parceria: Para Sempre (skoob) e Presentes da vida (skoob)



E finalmente da nossa parceira mais recente Editora Petit: Paixão de primavera, que tem uma capa espetacular. E eu amo capas. (skoob)


E junto com estas belezuras, lindos marcadores:


No fim, só colírio para nossos olhos!



As promoções que estão em andamento:

Um beijo a todos, fiquem com Deus que estou indo trabalhar!
Até mais!





Read more...

Entrevista: Rubens Conedera

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012



SINOPSE - Um amor floresceu na Itália Renascentista, contrariando os
costumes de uma época em que casamentos aconteciam mediante acordos
financeiros.  A jovem Carmela e o enigmático Lorenzo apaixonam-se de forma
inesperada, dando inicio a uma conturbada história de amor entre tintas,
obras de arte e sangue.
Um romance cheio de mistérios, onde sentimentos se desenrolam em situações
que desafiam o leitor a explorar os limites do amor exposto em cenários
ricos em obras de arte, intrigas e violência. Após algumas revelações a
cerca do segredo que norteia a vida de Lorenzo, poderá Carmela aceitá-lo
como é, desafiando perigos e contrariando aos costumes patriarcais e suas
próprias crenças?



Título - Carmela e Lorenzo
Autor - Rubens Conedera
Capa  de André Siqueira
Lançamento – Abril

 ENTREVISTA
•             Como iniciou a sua carreira com a Literatura?

Comecei a ler muito cedo, e ainda na infância surgiu a facilidade para a escrita. Eu enchia cadernos e cadernos com HQ’s, com personagens e aventuras criadas por mim; sempre com incentivo de meus pais. Sempre ganhei livros, e na adolescência, quando comecei a estudar eletrotécnica, associei-me a uma biblioteca ligada a um órgão das industrias da minha cidade, entrando em contato com autores nacionais e internacionais.

•             Existiu a influência de alguma personalidade artística em sua escrita, ou se fez por si?
Sempre existem influencias, pois precisamos de informações para criar alguma coisa. Não sei se fui influenciado por alguma personalidade, mas por obras sim, pois não conheço a fundo a vida de nenhum escritor famoso. Quando escrevi “Carmela e Lorenzo”, tive vontade de criar um casal que fosse lembrado, como “Romeu e Julieta”, os lendários “Tristão e Isolda”. Sempre gostei de livros em que o estudo de História estivesse envolvido, assim com Arte, outro assunto que muito me atrai.


•             Existiu algum fato envolto na área literária que marcou sua carreira? Conte sua experiência.

“Carmela e Lorenzo” é o meu terceiro livro, mas foi o primeiro a ser analisado por um editor. O mais incrível, é que foi considerado digno de publicação, e tudo aconteceu muito rápido. Vou tentar colocar meus outros dois romances em análise, assim que a MODO receber originais novamente. Ler a resenha feita por Adriana Vargas, uma pessoa que tem grande conhecimento e é uma autora de talento, já marcou minha curta carreira de forma que nunca vou esquecer. Receber comentários positivos de colegas e pessoas que leram meus livros já me enchem de orgulho.

•             Qual o tema que você gostaria de escrever e ainda não ousou?

Quando crianças desenhava HQ’s de ficção cientifica. Gostaria de tentar escrever algo neste gênero.
•             Quem são seus grandes ídolos escritores?

William Shakespeare, H. G. Wells, Maquiavel, Conan Doyle, Anne Rice, Machado de Assis, Paulo Coelho, David Coimbra. Gosto muito de livros técnicos de História, como os de Paul Johnson. 
•             Como é seu relacionamento com suas personagens?


Procuro exercitar a empatia, colocar-me no lugar deles. No caso de “Carmela e Lorenzo”, existiram momentos em que lágrimas surgiram, e as sensações visitaram meu corpo. Perdi o sono e as vezes sonhava acordado, até no trabalho. Nos dois primeiros livros, “Conspiração” e “O Indulto”, sofri com o inteligente e atormentado Samael; e sua solidão.

•             Como é seu relacionamento como autor, com o mundo longe da escrivaninha?

Sou uma pessoa simples e discreta, totalmente dedicado a minha família e amigos. Sou avesso a movimento e aglomerações. Procuro sempre atividades ao ar livre, pois minha cidade possui um interior rico em belas paisagens. Pelotas é uma cidade muito bonita. Temos desde praia até cachoeiras, e muitas possibilidades de distrações culturais.

•             Qual a linha literária que hoje escreve e como se relaciona com essa linha?

Escrevo algo que aprendi a reconhecer como Literatura Fantástica, com muito romance, aventura e História. Consigo escrever nestas linhas com certa facilidade, pois leio muito, e a disciplina de História nos dá inúmeras possibilidades, por nos colocar em contato com muitas culturas diferentes.

•             De onde, em sua opinião, vem o maior apoio e incentivo aos autores nacionais?

Encontrei grande apoio no Clube dos Novos Autores, um blog literário. Depois de ser convidado por Adriana Vargas para participar do Clube, conheci outros blogs literários. A internet é uma ferramenta importante e rápida. Meu livro entrou no booktour, e já foi lido e resenhado em mais dois blogs, fora o Clube. O Clube dos Novos Autores já extrapolou a categoria de blog, é um movimento ou tendência maravilhoso. Através dele fui apresentado a MODO Editora Tradicional, que apoia de verdade novos autores, e tive meu trabalho reconhecido.

•             Como é seu relacionamento com seu público leitor?

As poucas pessoas que leram meus livros me procuram, para saber quando sairá um novo livro, sobre qual assunto vou abordar. Meu relacionamento com este pequeno publico é maravilhoso e gratificante.

•             Sob seu ponto de vista, o que atrai mais o leitor para a leitura de um livro?

Acho que uma capa bem feita, que revele o assunto do livro atrai muito o leitor. Outra coisa da qual o publico gosta é dinamismo, novidades, mesmo em um gênero cheio de clichês que não cansam, como são os dos romances. Por mais que tentemos mudar os cenários ou planos de fundo, os acasos e os encontros e desencontros, o “eu te amo” dos protagonistas são as letras mais esperadas pelos olhos dos leitores.

•             De onde vem sua inspiração? Tem algum costume ou ritual antes iniciar a escrita de um novo livro?

A inspiração para escrever “Carmela e Lorenzo” surgiu do amor que sinto por minha família, e de um pequeno grupo de amigos maravilhosos, pessoas que sempre tem algo diferente a nos dar, mesmo que tenhamos um relacionamento duradouro. A leitura de História e visitas a locais que instiguem minha curiosidade me trazem uma enorme energia e vontade de escrever. Vivendo cada dia e aproveitando o que as pessoas têm de melhor a nos oferecer é uma fonte inesgotável de inspiração.
 
•             Qual livro mais gostou de ler? Como foi a experiência?

Citar apenas um seria uma injustiça, mas posso dizer que ler “O Alquimista” de Paulo Coelho e “Entrevista Com o Vampiro”, de Anne Rice mudaram meu ponto de vista em vários aspectos.


•             De qual modo, sob seu ponto de vista, poderia se dar a ascensão literária no Brasil?

Através da educação em primeiro lugar. Culturalmente, o brasileiro lê muito pouco. Poucas pessoas separam parte do orçamento para comprar livros regularmente. Os pais tem um grande papel em incentivar este habito. Em segundo lugar, divulgação e incentivo por parte do governo.
•             Como é visto por você, a linha do tempo literária brasileira? O que mudou?

Vejo que o uso da internet possibilitou o encontro e relacionamento de pessoas que gostam de ler e escrever. Ficou mais fácil de publicar livros, mesmo que de forma independente. Penso que existe um antes e depois na literatura, tanto para produção de obras quanto de divulgação, após a utilização mais larga da internet.


•             Qual o melhor meio de divulgação da obra?

A internet é um meio importante, pois através dela o autor pode produzir seu original, encaderná-lo de forma a ser uma produção independente. Depois, podemos apresenta-lo a blogs literários, que saberão com certeza avaliar se a obra é digna de publicação ou não, chamando a atenção das editoras. Depois, com certeza a editora investirá na divulgação da obra, mas tudo parte do autor. Presenças em feiras e eventos sempre que possível também são essenciais. Nada acontece se o autor fica parado.

•             Como é visto o mercado literário sob sua ótica?
Vejo o mercado literário como um segmento muito disputado, com muita oferta de produto e pouca procura, tornando as grandes editoras fechadas para autores novos. É difícil de entrar neste meio e se perpetuar.


•             Qual é a sua opinião sobre o elevado nível de reprovação de originais?

É uma coisa complicada de se falar, pois estamos falando de obras que pessoas escreveram, se dedicaram... Mas infelizmente, como o mercado é muito disputado, a obra que não for considerada de qualidade ou inovadora, tende a ficar fora das editoras. A editora faz um investimento alto, e que ter o retorno. Para as editoras grandes, é mais fácil investir em um autor renomado, que já tem um publico certo, do que apostar em alguém.

•             Fale um pouco do seu último livro.

“Carmela e Lorenzo” é um romance que se passa na Itália, no período da Renascença. Conta a trajetória da jovem Carmela, e do enigmático Lorenzo, que vivem uma conturbada história de amor, entre tintas, obras de arte e sangue. O livro mostra a luta que duas pessoas tão diferentes travam para permanecerem juntas, onde o leitor é desafiado a testar os limites do amor. Depois que a menina descobre os segredos que cercam Lorenzo e tanto instigaram sua curiosidade, seus sentimentos e convicções são postos em cheque. Os aspectos do amor familiar também são colocados a prova, em um cenário rico em obras de arte, aventura e violência. 
•             Deixe um recado para seu público leitor.
Gostaria de agradecer por este espaço onde pude falar um pouco de meu trabalho. Espero que gostem de minha obra, que foi escrita com amor e muito esforço, tentando colocar nas mãos do leitor uma obra interessante, que estimule a procura por conhecimento. Gostaria que meus leitores se deixem levar por todos os mistérios e revelações do mundo de Carmela e Lorenzo.

Read more...

Sangue e Chocolate - Annette Curtis Klause

quinta-feira, 16 de fevereiro de 2012



Klause, Annette Curtis
Sangue e Chocolate / Annette Curtis Klause. Baependi/MG- Editora Underworld, 2011
“Ela tremeu de dor, e lágrimas caíram sobre seu rosto triste. Ela não se lembrava de alguma vez em que não quisesse a mudança, que não gostasse das mudanças, mas agora ela estava enjoada de resistir a ela. Ele não poderia vê-la assim. Ela não poderia trair seu povo.” (pág.70)
Vivian é um belo espécime de loup-garoux, uma filha da lua. Com muitos conflitos existenciais, vive com a Mãe Esmé e o tio Rudy em uma residência comum no subúrbio de Maryland. A matilha vive em comunidade em um grande centro urbano um ano após acidente que destruiu a pousada que vivia na floresta e matou seu líder e pai de Vivian. Dos conflitos do grupo está a falta de definição sobre a nova liderança e o retorno da matilha para a floresta, onde se sentem mais seguros. Mas os conflitos de Vivian são outros, apesar de ter a idade de uma adolescente humana, para sua raça já é considerada uma adulta, freqüenta a escola e se sente excluída dos grupos formados, e não se sente bem em companhia dos Cinco, composto pelos únicos cinco rapazes de sua idade que são parte da matilha, mas que para Vivian são também os culpados pela morte do pai. Revelando-se uma artista de talento e elogiada na escola, um dia um dos seus trabalhos é publicado na revista da escola e ao lado um poema intrigante que fala sobre a transformação dos lobos.  Vivian então se sente atraída pelo autor e determinada como é, vai atrás. Desafiadora, contra as recomendações da matilha, Vivian se apaixona e se envolve com Aiden, um rapaz fascinado por magia, rock, roupas pretas, etc. Enquanto isso é proposto um desafio para escolher o novo líder da matilha, mas Vivian, apesar de amar sua condição de metamorfa, deseja uma vida mais livre e tranqüila, mesmo contra as tradições da raça. Mas acontecimentos trágicos colocam a matilha em risco e Vivian se sente cada vez mais dividida entre o mundo dos humanos e seu próprio mundo, o que pode ser determinante para sua escolha definitiva.
Eu adorei a estória, não tem o que se questionar da qualidade, do desenrolar da trama e da finalização. Realmente fui surpreendida. Porém não posso deixar de comentar também o que não gostei. Detesto diálogos marcados com aspas, já tinha comentado isto em outro livro que era assim, este é o segundo do mesmo estilo e não gostei. Não ajudou nada também, além das aspas, o diálogo de dois personagens diferentes na mesma linha, misturando tudo. No início do livro os nomes são trocados, por várias vezes Axel foi trocado por Alex e por fim, na sinopse do livro cita que Vivian trabalha em uma loja de chocolates, porém em toda a trama nada menciona este fato. Nada me levou a uma alusão do chocolate, o que pode deixar o leitor um pouco perdido. Mas gostei da estória e isto não tenho que reclamar. 

Read more...

Top Filme #2 - A casa do lago

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2012


Elenco: Keanu Reaves e Sandra Bullock



O que você faria se apaixonasse por correspondência? E se estas correspondências houvesse um desencontro de tempo de dois anos?
Kate (Sandra Bullock) leva uma vida muito ocupada como médica de um grande hospital em Chicago em 2006, enquanto que Alex é um engenheiro tranqüilo construindo seus condomínios em Illinois no ano de 2004.
O que eles tem em comum? A casa do lago.
Kate é apaixonada pela casa em que vive alugada, e quando precisa ir embora deixa uma correspondência para o próximo morador. Na carta Kate menciona detalhes sobre a casa que para Alex não existem. Até que um dia durante uma reforma Alex vê um cachorro deixando marcas das patas no caminho igual Kate havia citado. Surge então uma curiosidade e eles começam a trocar correspondências e a se envolverem cada vez mais. Até que surge a vontade de se encontrarem, as eles verão que não será tão simples assim, pois existe entre eles um lapso no tempo de dois anos.

Eu adoro este filme! Ele é sensível, é mágico, é romântico. É tudo de bom! O carinho entre os personagens, os dramas pessoais de cada um. As dificuldades, nada atrapalha este lindo relacionamento. Eu curto e indico.

Read more...

Banidos - Sophie Littlefield

terça-feira, 14 de fevereiro de 2012



Littlefield, Sophie
Banidos / Sophie Littlefield. Baependi/MG- Editora Underworld, 2011

“Deslizei a ponta dos dedos pelas palavras, como se tocá-las pudesse trazer respostas para minhas perguntas, como se, de alguma forma, o gesto pudesse revelar o que eu devia fazer. Porque eu tinha certeza de que havia sido escolhido para alguma coisa...” (pág.55)

Hailey é uma garota de dezesseis anos que leva uma vida muito triste. Sua mãe morreu quando ainda era bebê e desde então foi criada pela avó, uma criatura cruel e bizarra que vende drogas, fuma igual a um dragão, anda em companhias desagradáveis e a trata como escrava. Sua única companhia é Chubb, um garotinho de quatro anos, com sérias limitações que a avó pegou para criar em troca do cheque do estado, mas quem cuida mesmo é Hailey. Hailey é uma rejeitada, na escola não tem amigos, mas um dia em um incidente na escola com Milla, uma morrie, ela descobre que tem o dom da cura, mas se sente insegura porque ninguém fala no assunto e perguntar para sua avó está fora de cogitação. Suportar os clientes da avó era uma agonia, dentre todos Ratler era o pior. Seu maior sonho é completar dezoito anos para ir embora daquele inferno, pra nunca mais voltar.  Um dia, ao chegar ela encontra uma desconhecida que lhe é apresentada como sua tia que foi embora ainda adolescente. O retorno de Prairie traz muitas revelações sobre os segredos da família Tarbell e Hailey deseja ansiosamente descobrir qual o legado que está destinado a ela ou se é uma amaldiçoada conforme Milla havia lhe falado.
Considerações: Fiquei com muita dó da Hailey, pois ela era obrigado a conviver com várias coisas que não suporto, drogas, alcoolismo, violência. Ela era uma menina simples, mas com uma infância muito sofrida e logo me senti na pele dela e foi um sofrimento, eu ficava doida para o livro evoluir, mas nada. Quando as coisas parecem melhorar, acontece uma situação aflitiva. Quando a tia aparece, não sabemos se é boa ou mal e vários acontecimentos se desenrolam desde sua chegada o que torna a dinâmica do livro mais ágil. Não me lembro de ter visto muitos erros e estou ansiosa pela seqüência que está previsto ser uma trilogia. 

Read more...

Promoção: Academia de Vampiros

segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012



Uma super promoção para os apaixonados por livros. O Tesouro Literário vai te dar os quatro exemplares desta série maravilhosa!
Para participar, siga as regras:
  • Ter um endereço de entrega no Brasil
  • Seguir o blog publicamente
  • Deixar comentário confirmando a participação: "Eu quero conhecer os mistérios da Academia de Vampiros!"
  • Preencher corretamento o formulário AQUI
Chances extras:
  • Segue @marciadesiree- 1X
  • Assina o nosso FIQUE POR DENTRO  (Para assinar digite seu email no menu ao lado abaixo dos seguidores e depois ative a inscrição em seu e-mail) - 1x
  • Comentou em qualquer resenha do blog - 1x a cada comentário novo. 
  • Tuitar a cada 6 horas a frase: #sorteio Quero conhecer os mistérios da Academia de Vampiros e @marciadesiree e @tes_literario vão me dar. http://migre.me/7UbEh

Read more...

Lançamento: Imaginário Feminino



Camille Thomaz explora o pensamento feminino em seu livro de estreia.
Titulo Imaginario Feminino
Autora Camille Thomaz
Editora Alcantis
Paginas 108
ISBN 978-85-98792-36-1
Preco R$19,90
Skoob skoob.com.br/livro/205547-imaginario-feminino

  O amado universo feminino e preenchido por misterios e da abertura para abordar os mais variados temas. E poderoso, pode mudar o rumo de uma historia, e este universo, jamais sera desvendado: "Fato.".
Pois bem, saibas que algo singular, nas entrelinhas de uma inteligente narrativa, transborda nas paginas deste livro. As palavras se traduzem em sentimentos, desilusoes, vivencias e passagens aparentemente tao cotidianas; atingem o belo mundo ao qual pertence o universo das paixoes. A leitura e ininterrupta: "Comprove.".
  Que atingira a mente dos pensantes e o coracao dos que ja se apaixonaram, os que estao em pleno prazer, ou ainda daqueles que se apaixonarao. Nada de meio termo, todos estarao envolvidos, as historias, ou a historia, se reflete como um espelho no coracao de cada leitor que se aventurar aqui. As vezes, leia por duas vezes uma mesma passagem, teras diferentes interpretacoes: "Aceite o desafio.".
    A autora trouxe um assunto delicado, ao mesmo tempo necessario, utilizou de coisas simples para fazer uma oportunidade para reflexao e desabafo, de onde encontrar o nosso \eu. ., ha tanto escondido que interliga ou busca o sexo oposto. A linguagem por vezes, mesmo que simples, traz a mensagem subliminar: "Desvende.".
   Camille Thomaz pode ser jovem ou uma autora iniciante, mas possui uma mente altamente elevada, gracas a bagagem cultural que absorveu no apaixonante mundo dos livros. Esta e uma obra voltada a todos, seja para amar, pensar... Ou jamais esquecer: "Não duvide.".
Jose Oliveira
Escritor

  Deixe-se levar por estas narrativas e voce em breve estara imerso nos mais profundos recantos do imaginario feminino. Um simples paragrafo, dialogos, um conto: pouco importa o meio de transporte, o destino e o mesmo, e esse incrivel universo dos sentimentos, tao dificil de ser traduzido em palavras, todavia tao palpavel a todos. Proximo, porem distante.
   E e por estar distante que e necessario ir longe para se chegar perto. O caminho e arduo para ser trilhado sozinho. Mas quem esta sozinho? Deixe-se guiar, nesta viagem, por quem conhece bem o caminho, por essas historias que tem vida propria. Segure nas maos deste conto, deixe-se levar por aquele dialogo, e aprecie esta incrivel viagem a um universo que se encontra dentro de si mesmo.
   A arte e uma otima forma de se explorar o interior recondito do universo pessoal-coletivo dos sentimentos.     Um desconhecido amigo intimo, esse universo que nos acompanha e que, as vezes, temos medo de explorar. Aceite a ajuda da autora, supere seu medo e mergulhe dentro de si. Aprecie estes contos, capture os sentimentos emanados por eles, sentimentos pessoais, sentimentos universais.
   Ha pessoas que tem o dom de escrever. Estas pessoas possuem certa relacao especial com as palavras, uma amizade profunda; tal qual o pintor que sabe escolher a exata tonalidade de tinta desejada em seu quadro, estas pessoas combinam harmoniosamente as palavras no papel. A estas, chamamos de escritores. E, em seu livro de estreia, Camille Thomaz mostra por que pode ser chamada de Escritora. Nao hesite ao saborear as proximas paginas. Leia, releia, sinta, e aprecie este excelente retrato do Imaginario Feminino.
Guilherme Mazanti
Matematico
Quem e a autora?
   Tambem conhecida como Miies e Camille Labanca. 26 de Junho, canceriana e carioca. Pseudo-escritora desde quando se entende por gente, mas escritora mesmo so recentemente. Estudante de Artes Visuais na Universidade do Estado do Rio de Janeiro, nao sabe desenhar, nem pintar. Passa o tempo fotografando, escrevendo, dancando ou ouvindo musica (as vezes resolve cantar tambem).
   Futura editora, e a editora e idealizadora da revista eletronica cultural chamada Innovative. Eterna apaixonada, adora uma comedia romantica e so comedia e so romance . mas tambem gosta de acao. Le de tudo, mas prefere os bem vendidos livros mulherzinha, inspira-se neles de vez em quando e da uma de senhora escritora.
    "Costumo dizer que sou multiuso. Gosto de fazer mil coisas ao mesmo tempo, nao tenho receio de ter muita responsabilidade e aprendo rapido. Gosto de me sentir, e ser, util. Costumo terminar minhas descricoes com a frase: 'Tem sempre uma ideia nova na cabeca.', por resumir a mais pura verdade."
http://camillethomaz.com
@Miies

Read more...

Promoção Alcantis "Realizando desejos"


A editora Alcantis, em uma super estratégia de marketing está lançando um super promoção para os leitores que manifestarem o desejo por suas publicações no Skoob e que vocês não podem perder.
Confiram:

Promoção "Realizando Desejos"

Caro(a) amigo(a) da Alcantis,

Estamos lançando a campanha promocional “Realizando Desejos”, inspirada na promoção de mesmo nome que foi criada de forma independente por nosso fundador/autor para os livros da série Horizontes.

A partir do próximo mês, sortearemos um livro de cada título Alcantis entre os leitores que manifestaram, na rede social de literatura “Skoob”, o desejo de ganhar nossas publicações.

Confira os links de nossas publicações que farão parte da promoção:

Caçada nas Trevas

Paganus

Imaginário Feminino


Read more...

Enquanto isso no skoob

Posts Recentes

  © TESOURO LITERÁRIO - Todos os Direitos Reservados